sábado, 30 de agosto de 2014

Percurso do II Carnaval de Zé Puluca ganhará mais ruas


Direção da AMABC realiza estudo objetivando contemplar mais logradouros para ser percorrido no II Carnaval de Zé Puluca, para o presidente da entidade músicos de Bom Conselho, o folião bomconselhense merece desfrutar melhor do movimento carnavalesco, que rendem homenagens a memória dos artistas de Papacaça. Carlos Alberto vem intensificando ações que aumentará de forma consistente o percurso dando mais visibilidade ao II Carnaval de Zé Puluca.

“Aos poucos vamos lapidando a realização do Carnaval de Zé Puluca, nosso compromisso é levar uma festa cada vez mais rica do ponto de vista cultural, vamos fazer o possível para estender esse festejo que já caiu no gosto do povo de Bom Conselho e região, agora estamos viabilizando novas atrações para compor esse cortejo da alegria, que rende homenagem a memória do maestro Puluca e seus convidados, essa é a festa onde os homenageados viram gigantes, vamos realizar o mais animado carnaval de rua da cidade de Bom Conselho em 2015, espero poder oferecer aos munícipes de Papacaça uma festa inesquecível”. Declarou Carlos Alberto, presidente da AMABC.

II Carnaval de Zé Puluca, Bom Conselho gigante


Lá vem o Carnaval de Zé Puluca a bailar / com lindas morenas a frevar / com seus Bonecos Gigantes / é muito frevo louco no pé / tomando umas e outras / com aquela linda mulher / e quando o frevo de Puluca tocar / viva maestro Aguiar com seu frevo gigante / quero ver quem é que vai me segurar / eu vou correr pra cantar / saudando os nossos gigantes.

Acorda povo lindo e vem ver / o belo amanhecer Bom Conselho gigante / me chama logo se eu morrer / eu quero é mais viver / no frevo alucinante / e ver Bom Conselho linda crescer / frevo do povo nascer / em um passo contagiante / eu quero é muito mais é frevar / com a orquestra do maestro Aguiar / o frevo do meu gigante / Olhar Pedro de Lara dançar / Zé Puluca a tocar / não há perna que canse. (Bom Conselho gigante – composição de autoria de Carlos Alberto, presidente da AMABC).


quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Carnaval de Zé Puluca, festa de todos

Juntos vamos fazer o sonho do II Carnaval de Zé Puluca acontecer, fazendo desse sonho ser a realidade de todos, espalhando felicidade em um festejo sem igual, festa de todos, unindo o nosso povo em só coração, vamos de verde, azul, branco e laranja não importando quais são as cores da nossa emoção, vamos unir nossas gente bonita em um só lugar, não importando onde seja, quero mesmo é ir para as ruas, ladeiras e quem sabe ficar até sentado em uma janela, vendo o nosso povo foliar, com os mais variados personagens a nos alegrar, respeitando a individualidade de cada cidadão não importando de qual lugar, vamos cantar e curtir ao som do taro e do surdo, ouvindo som da orquestra passar, vamos sair para ver e ficar lelé da cuca, com Zé Puluca na frente a tocar, toca Puluca, toca José, o povo te ama, o povo te quer... 

Carnaval de Zé Puluca Bom Conselho te espera


 Os preparativos do maior festejo de Momo em Bom Conselho já começou, estamos falando do II Carnaval de Zé Puluca, onde os homenageados viram gigantes, um carnaval 100% cultural, que resgata e dignifica a memória do nosso povo, pessoas simples mais de uma aptidão cultural indescritível, um espetáculo de festa, com orquestra de frevo, atração musical, bonecos gigantes, pernas de pau, bloco lírico, estandarte, passistas e seus misteriosos mascarados.

Bom Conselho te espera, venha participar do maior Carnaval de Bom Conselho, traga seus amigos e familiares e vamos juntos novamente rende homenagens aos nossos alusivos artistas.
... Zé Puluca tocando / Tonho de Dinda frevando / o seu bloco dançando e também a cantar /  e o Basto Peroba com o canta canta / com seus encantos com seu sanfonão ...  

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Carnaval de Zé Puluca a diferença é você que faz


A bem da verdade, todos sabem que o carnaval é feito por todos aqueles que gostam do festejo de Momo, por tudo isso o Carnaval de Zé Puluca dispõem a nossa sociedade toda magia dos saudosos carnavais, tempo esse vivido pelos mais velhos, época que marcaram gerações, gente de uma criatividade fora do comum, que faziam seus personagens despontarem do inexistente, mundo esse do imaginário.

E sobre o despontar tom de magia de Momo, surgirão e ressurgirão personagens das multicores, que juntos alegrarão o II Carnaval de Zé Puluca, movimento esse que congregará as mais diversas gerações, e juntos homenagearemos o mestre sanfoneiro Basto Peroba e saudoso carnavalesco Tonho de Dinda, verdadeiros gigantes da cultura bomconselhense, que juntos dos Bonecos de Zé Puluca e Pedro de Lara,  abrirão a ala dos alusivos homenageados do II Festejo do maestro Puluca. 

Faça sua fantasia, traga seu personagem, venha colorir o II Carnaval de Zé Puluca, e participe dessa magia que contagia nosso povo, juntos vamos reviver os carnavais de outrora, até porque a diferença é você que faz.

Viva Zé Puluca, e seus saudosos carnavais !!!

Carnaval de Zé Puluca onde o homenageado vira gigante


Mais do que uma manifestação carnavalesca, o Carnaval de Zé Puluca é um projeto de fortalecimento aos valores culturais do povo bomconselhense, que visa da visibilidade aos artistas de Papacaça, valorizando sua arte, resgatando e preservando a sua memória,  divulgado sua manifestação artística em todo cenário de Pernambuco.

Quando um homenageado vira um Boneco Gigante e ganha as ruas, nossa história ganha vida em cores vibrantes, apresentando Bom Conselho aos bomconselhenses, onde cada criança e adolescente ganha a oportunidade de conhecer um pouco da nossa história e da nossa gente.

O Carnaval de Zé Puluca é um patrimônio de todos, que visa proporcionar alegria e bastante folia, por isso é um projeto 100% cultural, apartidário, que congrega valores de interesses da coletividade, que contempla todas as camadas sociais de Bom Conselho, por tudo isso queremos convidar cada bomconselhense a participar da melhor previa carnavalesca do agreste meridional pernambucano. Traga sua alegria sua folia e juntos vamos festejar o II Carnaval de Zé Puluca.