sexta-feira, 12 de abril de 2019

PEDRO MANGABEIRA: Do Homem da Meia-Noite A Zé Puluca



Após 30 Anos como o carregado oficial do Homem da Meia-Noite, Pedro Garrido, popularmente conhecido como Pedro Mangabeira, carregará pela última vez nesse próximo dia 28 de abril. A calunga mais famosa do Carnaval Pernambucano (Homem da Meia-Noite). Data essa que também será festejada seus 60 Anos de Vida. Artistas, carnavalescos, músicos, passistas de frevo, produtores culturais, jornalistas e bonequeiros marcarão presença nesse histórico acontecimento na Cidade de Olinda. Além do Boneco Gigante do Homem da Meia-Noite, será lançado oficialmente o boneco gigante que homenageia seu Pedro Mangabeira. A Boneca A Linda da Tarde, também marcará presença. 


Na noite de ontem seu Pedro Mangabeira entrou em contato com o idealizador e presidente da Agremiação do Carnaval de Zé Puluca, onde convidou o mesmo a se fazer presente em sua festividade. O que foi recebido com bastante alegria por Carlos Alberto, que além de ter confirmado sua presença, anunciou a ida também do Boneco Gigante do Zé Puluca em sua festa. Pedro Mangabeira que também e o carregador oficial do gigante de Zé Puluca disparou “Cumpri minha honrosa missão de 30 Anos carregando o Homem da Meia-Noite nos quatro cantos de Pernambuco. Agora seguirei minha nova jornada carregando o Lorde boneco Maestro de Bom Conselho pelos carnavais que ainda me restam de força e dedicação. Será um novo momento, na minha vida. A alma do Homem da Meia-Noite agora se chamará. Zé Puluca!”. 


“Recebo o convite do seu Pedro Mangabeira com muita alegria. Poder participar dos seus 60 Anos é um grande privilegio para minha pessoa. Será um momento histórico para com o Carnaval de Pernambuco. Afinal, Mangabeira durante esses 30 Anos foi a Alma, do maior ícone da cultura carnavalesca de Pernambuco (Homem da Meia-Noite). Foi através de suas mãos e passos que o ilustre Lorde da Meia-Noite encantou gerações de foliões. Confesso que diante da sua despedida do espetacular Homem da Meia-Noite, pude experimentar, uma mistura de tristeza e alegria ao mesmo tempo. Tristeza em saber que nos próximos carnavais, o Homem da Meia-Noite não mais poderá contar com sua alma majestosa. Alegria em saber que a partir desse momento a alma do Homem da Meia-Noite passará a ser do boneco de Zé Puluca. Seja muito bem-vindo, seu Pedro Mangabeira. Bom Conselho te recebe de braços abertos, para os vindouros carnavais do nosso saudoso Zé Puluca”. Pontuou Carlos Alberto!