quarta-feira, 24 de julho de 2013

Adeus a um Bomconselhense, Registrado em Garanhuns ...



José Domingos de Morais, popularmente conhecido como Dominguinhos, Nasceu na zona rural de Bom Conselho, no Distrito da Barra do Brejo, e foi registrado na Cidade de Garanhuns, aprendeu sanfona com seis anos de idade, quando ganhou um pequeno acordeão de oito baixos e chegou a se apresentar em feiras livres e portas de hotéis em troca de algum dinheiro junto com seus dois irmãos, com quem formava o trio Os Três Pingüins.

Amigo de infancia do também bomconselhense, o Sanfoneiro Basto Peroba, sempre que vinha a Bom Conselho, costumava a visitar`Peroba onde tocava sua sanfona, relembrando sua infancia de muitas diversidades.

Em 1950, aos nove anos de idade, conheceu Luiz Gonzaga quando tocava na porta do hotel em que este estava hospedado. Luiz Gonzaga se impressionou com a desenvoltura do menino e o convidou a ir ao Rio de Janeiro. Dominguinhos o fez em 1954, então com treze anos de idade, acompanhado do pai e dos dois irmãos, indo morar em Nilópolis. Ao encontrar-se com Luiz Gonzaga no Rio, este deu-lhe de presente uma sanfona e o integrou à sua equipe de músicos, e Dominguinhos passou a fazer shows pelo Brasil e participar de gravações.

Falar de Dominguinhos é muito facil, pois seu legado é de uma riqueza imensurável, não é a toa que músicos, politicos, empresarios, emprensa em geral, fazem questão de registrar sua triteza, com essa perca inreparavel desse Ilustre musicista da Musica Popular Brasielira, desejamos que sua alma descanse em paz em Cristo, e quem sabe, que junto ao seu amigo Luiz Gonzaga, possa reviver, suas alegrias e seus festejos, ao som de muito Forró.

Obrigado Dominguinhos pelo músico que você foi, e continuará sendo para Pernambuco e para o Brasil.

Viva Dominguinhos Sanfoneiro do Agreste Meridional Pernambucano.