terça-feira, 27 de agosto de 2013

3ª Conferência Estadual de Cultura de Pernambuco




O tema geral da 3ª Conferência Estadual de Cultura de Pernambuco deve ser “UMA POLÍTICA DE ESTADO PARA A CULTURA: DESAFIOS DO SISTEMA ESTADUAL DE CULTURA NA ORGANIZAÇÃO DA GESTÃO E NO DESENVOLVIMENTO DA CULTURA ESTADUAL E NACIONAL"
A 3ª Conferência Estadual de Cultura de Pernambuco, etapa integrante da 3ª Conferência Nacional de Cultura, a se realizar nos dias 25, 26 e 27 de setembro de 2013, no Município do Recife, sob a coordenação da Secretaria de Cultura do Estado de Pernambuco.

São objetivos da 3ª Conferência Estadual de Cultura de Pernambuco:
   
I – propor estratégias de articulação e cooperação institucional com os demais entes públicos estaduais e municipais e destes com a sociedade civil, povos indígenas e comunidades tradicionais, que dinamizem a participação e o controle social na gestão das políticas públicas de cultura, para implementação e consolidação do Sistema Estadual de Cultura, envolvendo os respectivos componentes;

II - debater experiências de elaboração e implementação de Planos Estaduais de Cultura, ao socializar metodologias e conhecimentos;

III - discutir a cultura local nos seus aspectos de identidade, da memória, da produção simbólica, da gestão, da sua proteção e salvaguarda, da participação social e da plena cidadania;

IV - propor estratégias para reconhecimento e fortalecimento da cultura como um dos fatores determinantes do desenvolvimento sustentável;

V - promover o debate, o intercâmbio e o compartilhamento de conhecimentos, linguagens e práticas, valorizando o fomento, a formação, a criação, a divulgação e a preservação da diversidade das expressões e o pluralismo das opiniões;
VI - propor estratégias para proporcionar aos fazedores de cultura locais o acesso aos meios de produção, assim como propor estratégias para universalizar seu acesso à produção e à fruição dos bens, serviços e espaços culturais;

VII - fortalecer e facilitar a formação e o funcionamento de fóruns e redes locais em prol da cultura;

VIII – contribuir para a integração das políticas públicas locais que apresentem interface com a cultura; e

IX – avaliar os resultados obtidos nas Conferências Estaduais de Cultura anteriores.