quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Carnaval de Zé Puluca de Beijos e Amores


Das fantasias nascem as paixões que crescem em cada olhar, vejo meninas e meninos muito tímidos a se olhar, qual era mesmo a fantasia que o meu amor estava usando? quem se importa em saber se o beijo que ganhei me fez logo adormecer, quem disse que vou acordar se quero mesmo é sonhar, eu vou com meu amor para o carnaval me esbaldar, avisa seu Zé Puluca, que prometo em vê-lo passar, mais aquele beijo, eu sei que vou ter que dar, Salve Zé Puluca meu padrinho e do meu amor, se não fosse o seu carnaval eu não seria o que sou, se der tudo certinho prometo que vou, amar e beijar infinito o meu grande amor.