sexta-feira, 27 de março de 2015

A importância do Carnaval de Zé Puluca no encontro Todos por Pernambuco


No dia 10 de abril o Governo do Estado de Pernambuco realizará o encontro Todos por Pernambuco, na cidade de Garanhuns. Trata-se de um projeto de governo que tem como objetivo de ouvir da população do Estado, sugestões nas áreas de educação, cultura, saúde, segurança, água, cidadania, desenvolvimento rural, economia, inovação, sustentabilidade e infraestrutura. A AMABC irá se reunir com alguns dos Delegados da Cultura de Bom Conselho, que hoje também fazem parte do Conselho Municipal de Cultura do nosso municio. O objetivo do encontro visa fomentar opiniões para que sejam apresentadas na sala temática da cultura. AMABC vem canalizando os apoios necessários, para que o Carnaval de Zé Puluca possa está presente com os seus bonecos gigantes, e assim ajudar a massificar, a melhor prévia carnavalesca do agreste meridional.

“O encontro Todos Por Pernambuco reunirá os 26 municípios da região do agreste meridional de Pernambuco, onde prefeitos, vereadores, deputados, senadores, secretários, entidades e sociedade civil, irão discutir assuntos pertinentes em diversas áreas, contribuindo de forma representativa para uma gestão mais participativa do governo de Paulo Câmara. A AMABC não se furtará na contribuição para o fortalecimento da cultura tanto da nossa região como para todo o Estado. Estamos tendo algumas dificuldades para os custeios de deslocamentos dos nossos bonecos gigantes e cachês dos bonequeiros, passistas e músicos. Mais apesar dos pesares, já conseguimos alguns apoios, gente que nem tem ligação com o nosso município, mas goza de esclarecimento necessário do entendimento que o Carnaval de Zé Puluca, hoje representa diante da nossa sociedade. Se Deus quiser, estaremos mostrando a cultura carnavalesca do nosso município, representando com o que temos de melhor, divulgando assim o III Carnaval de Zé Puluca, para que possamos atrair mais turista em nossa cidade, ajudando ainda mais com a circulação de dinheiro na economia de Papacaça”. Declarou Carlos Alberto, presidente da AMABC.