quarta-feira, 29 de abril de 2015

Em tempo de crise financeira, festejo junino de 2015 será regido em ritmo regional


Diante da atual crise que vem assolando os municípios do Brasil afora, tem levado muitos prefeitos de Pernambuco a reduzir custos no mais variados setores da administração pública. Nesta quarta-feira (29), se reuniu na sede do Consorcio de Municípios do Agreste e Mata Sul do Estado de Pernambuco, na cidade de Agrestina os Chefes dos Poderes Executivos dos municípios: São Joaquim do Monte, Bezerros, Quipapá, Camocim de São Félix, Sairé, Bonito, Belém de Maria, Agrestina, Altinho, Ibirajuba, Cupira, Lagoa dos Gatos, Panelas, Jurema e Barra de Guabiraba. Na ocasião foi acordado pelo corpo de prefeitos dos 15 municípios, a redução nos investimentos na realização dos festejos juninos de 2015. Levando os municípios a reduzir números de dias de festa junina. Diante do momento desfavorável para contratação de bandas que cobram verdadeiras fortunas, o jeito é mudar o discurso, e falar: a nossa cultura popular é mais forte que os percalços momentâneos. Esperamos que o comprometimento com os artistas locais, não conduzam o recebimento dos seus cachês a serem pagos com 6 meses.