sexta-feira, 11 de março de 2016

AMABC e o projeto o Natal Encantado

Rabequista  Zé de Cida
O presidente Carlos Alberto vem desenvolvendo estudo para formatação de mais um Projeto Cultural. O destaque agora é “O NATAL ENCANTADO”. Segundo o presidente da AMABC Bom Conselho no passado foi um dos mais importantes berços do Reisado de Pernambuco. No passado o distrito de Rainha Izabel abrigou até uma fabrica de rabeca. Segundo o Rabequista  Zé de Cida a pequena fabriqueta de rabeca, ficava situada no Sitio Grota do Chiqueiro, na antiga marcenaria de Sebastian Bispo. Era lá o que o Mestre de Reisado Mané Odocio encomendava seus instrumentos de rabeca.


O projeto do “O NATAL ENCANTADO” contempla as manifestações, folclóricas da rica cultura pernambucana: Reisado, pastoril e cavalo marinho. Nas brincadeiras ligadas ao Natal, encontramos uma relação com a Igreja Católica e com o nascimento de Jesus. No pastoril, por exemplo, há a celebração da chegada de uma criança sagrada e o reisado também tem esse arquétipo. 


Na verdade, o próprio catolicismo absorveu manifestações culturais pré-cristãs. O Natal é uma rememoração do solstício de inverno no Hemisfério Norte. A presença da fogueira, do fogo, da luz da vela, todos esses elementos estão relacionados à natureza. No pastoril sagrado, as meninas cantam em louvação ao nascimento de Cristo. Já a figura do boi, presente no cavalo marinho, versões do reisado, tem a ver com vitalidade.


O Natal Encantado é uma proposta desenvolvida através da integração do setor público e iniciativa privada, a fim de fortalecer as tradições dos festejos natalinos em Bom Conselho. Por em quanto o projeto não tem de certo previsão em ser executado. Para Carlos Alberto ainda se faz necessário haver uma integração mais participativa entre o poder público municipal, escolas, comércio e Governo de Estado.