quinta-feira, 1 de setembro de 2016

CARNAVAL DE ZÉ PULUCA: Inclusão na Rota Carnavalesca de Pernambuco


A história cultural carnavalesca de Bom Conselho vem sendo narrada a cada Carnaval de Zé Puluca. No passado, lá nos tempos de outrora as folias de momo embalavam as marchinhas e frevos de Capiba e Nelson Ferreira. Onde o ponto de partida eram as maratonas pré-carnavalescas. A influência cultural entre o junino e momo fez os bonconselhenses serem um povo rico em cultura e apaixonados por ela. Porém os gestores do Pode Executivo de Bom Conselho, apenas deram seguimentos dos festejos, sem oferecer as merecidas atenções de melhoramento. 

Bom Conselho hoje é a soma de passado e presente, em busca do seu espaço e reconhecimento no futuro. Seu povo a cada geração vibrar, canta e dança, fazendo de suas festividades populares, um mar de magia e cores. Tomado por esse rico inventario cultural o presidente da AMABC, está preparando dossiê cultural carnavalesco, para que a Folia de Puluca seja incluída no Calendário Oficial Carnavalesco do Estado de Pernambuco. Um marco na história cultural carnavalesca de Bom Conselho. Tomado pela iniciativa de uma entidade sem fins lucrativos. Que leva em seu estandarte institucional, as belas cores de uma cultura cada vez, mais presente, mais social e mais viva. 

“Temos elementos suficiente que habilita o Carnaval de Zé Puluca, como a única agremiação carnavalesca de Bonecos Gigantes do Agreste Meridional Pernambucano. Sendo a AMABC detentora de vários gigantes em uma única entidade nesse segmento. Bom Conselho se apresenta como a mais nova opção carnavalesca de folia de rua. Levando em sua agremiação a memória viva dos seus artistas populares. Um marco no resgate, na valorização, preservação e difusão da rica cultura nativista bonconselhense. Mostrando para Pernambuco e para o Mundo, seu rico valor cultural, abraçado pela iniciativa do amor ao frevo pernambucano, cada vez mais presente em nossa linda cidade”. Ponderou Carlos Alberto. Presidente e idealizador do Carnaval de Zé Puluca.