sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

BOM CONSELHO: AMABC em defesa da criação do Fundo Municipal de Incentivo à Cultura


Sábio é o povo com seus ajuizáveis provérbios. Quem não se lembra das Cantigas Populares “PEIXE VIVO”. “Como pode o peixe vivo. Viver fora da água fria. Como pode o peixe vivo. Viver fora da água fria. Como poderei viver. Como poderei viver. Sem a tua companhia”. Pois bem, assim devemos questionar o seguinte: “Como pode haver investimento na cultura de Bom Conselho, se não há um Fundo de Incentivo a essa cultura?”. “Como pode haver um Fundo de Incentivo à Cultura sem uma Secretaria de Cultura?”. Imagine, você recebe R$ 1.000 Reais para custear suas despesas com alimentação para passar o mês. E ai você resolve gastar tudo em uma única vez. Com você passará o restante do mês? Pois bem é assim em outras coisas. Não adianta a gente gastar um monte de recurso em 5 dias de festejo na época junina, e depois passamos o restante dos 360 dias sem ter como proporcionar um momento de lazer e diversão ao povo, em especial aos mais carentes. Sem planejamento: a cultura não cresce, o turista não parece, o comercio padece, o povo entristece, a economia de Bom Conselho não aquece, e os empregos e rendas desaparece!!! Criação do Fundo Municipal de Incentivo á cultura. JÁ!