quarta-feira, 20 de maio de 2015

Cultura de Galo Preto, pode se tornar Patrimônio Cultural Imaterial de Bom Conselho


É como grande alegria que a AMABC tomou conhecimento, que tramita na Câmara Municipal de Bom Conselho, o Projeto de Lei que reconhece toda expressividade artística e cultural de Tomaz Leão Cavalcante "Galo Preto", como Patrimônio Cultural Imaterial de Bom Conselho. 

Nascido no Sitio Alecrim, distrito de Rainha Izabel, Filho de Celestina Cirilo Barros da Silva e Dorival Leão Cavalcante, irmão de Preto Limão, sobrinho de Nevoeiro, onde morou no Sitio Escorrego, sendo seus pais nascido no Sitio Cafundó no município de Bom Conselho.

A propositura é de autoria do Vereador Geninho Tavares, que recentemente postulou na Casa de Dantas Barreto, a Inclusão do Carnaval de Zé Puluca no Calendário Oficial de Datas e Eventos de Bom Conselho, onde também pleiteou que Folia de Puluca fosse reconhecida como Patrimônio Cultural de Papacaça. Proposta aprovada por unanimidade.  

Agora vamos torcer para que a propositura seja aprovada. Fazendo valer o merecido reconhecimento a Galo Preto, que já é Patrimônio Vivo do Estado de Pernambuco. Esperamos que o nobre artista bonconselhense seja também reconhecido em seu município, terra que sempre fez, e faz questão de dizer que é filho. Ao Parlamentar Geninho Tavares, nossos calorosos aplausos.